Futurecom faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Starlink, satélite, rádio ou fibra? O futuro da internet

O Futuro da internet.png
Cada tipo de conexão tem as suas aplicações específicas. Confira!

Os protótipos do que conhecemos hoje como internet surgiram ainda na década de 1960, em meio à Guerra Fria, onde as maiores potências do mundo, os Estados Unidos e a União Soviética, buscavam formas de comunicação que fossem impossíveis de serem detectadas pelo inimigo.

Alguns anos depois, em 1980,  o físico britânico Tim Berners-Lee criou o ENQUIRE, sistema precursor da World Wide Web (WWW), que seria desenvolvida também por Berners-Lee em 1989, inaugurando a internet como conhecemos hoje.

De lá para cá muita coisa mudou. A internet evoluiu e passou a fazer cada vez mais parte de nossas vidas. Hoje, são diversas as possibilidades de conexão, como Starlink, por satélite, via rádio ou fibra.

A história da internet, nós já conhecemos, mas o que podemos esperar para o futuro da rede mundial de computadores? Conversamos sobre o tema com Gabriel Cavalcanti, professor dos cursos de tecnologia do Centro Universitário FIAP. 

Ele nos explicou como funcionam e quais são as aplicações contemporâneas de cada um dos principais tipos de conexão, bem como a sua percepção sobre o futuro da internet. Veja mais abaixo!

Aplicações da internet via rádio

Cavalcanti acredita que a internet via rádio tem um papel muito relevante para áreas rurais, onde o cabeamento para acesso de fibra ainda não teve a infraestrutura construída.

“A internet via rádio apresenta boa conexão e permite uma maior integração entre sistemas IoT para vários propósitos agropecuários. Podemos pensar em ferramentas inteligentes para monitoramento de animais, controle de plantio, monitoramento de pragas e eventos climáticos extremos”, comenta o professor.

Aplicações da rede de fibra óptica

Atualmente, quase toda a estrutura de internet está distribuída por cabeamento de fibra óptica. Esse é o tipo de rede mais comum nas residências e empresas, portanto. Cavalcanti explica:

“Com a fibra, a partir de um investimento do usuário, ele pode evoluir sua experiência com a internet para além da já comum troca de dados por e-mails, videocalls e acesso a sistemas streamings ou de páginas web. Coloco nesse pacote de uso comum acesso a games online, com conexões estáveis que permitem boa resposta dos jogadores nos eventos. Aproveito para incluir aqui também a experiência de acesso à realidade virtual através de chats online ou games VR.”

Aplicações da internet por satélite

Na visão de Cavalcanti, a internet por satélite tem sido uma opção para pessoas que vivem em localidades afastadas dos grandes centros urbanos. 

Ele ainda explica que um dos fatores que mais pesa na contratação desse tipo de rede é a falta de condições topológicas e climáticas para a obtenção de internet via rádio.

Em suas palavras: “A tecnologia de acesso à internet via satélite possui grande potencial, ainda mais nessas situações em que o terreno não contribui ou existe a ocorrência de eventos climáticos como ventanias que desalinham a antena de acesso à internet via rádio.”

Ele complementa: “Outra aplicação da tecnologia via satélite é lugares desfavorecidos socialmente, onde a infraestrutura tem dificuldade de ser implementada e, financeiramente, existe pouco interesse de empresas para fornecimento de planos de acesso.”

Aplicações da rede Starlink

Finalmente, temos a rede Starlink, financiada pelo milionário e filantropo Elon Reeve Musk, que funciona a partir do lançamento de satélites no espaço por meio de foguetes espaciais. Os direitos de exploração no Brasil foram aprovados  pela Anatel no dia 28/01/2022.

Sobre as aplicações dessa rede, Cavalcanti diz: 

“Usando a tecnologia via satélite, mas sem alguns fatores limitadores, podemos almejar uma aplicação da internet com tudo, sistemas IoT super conectados, ganhos econômicos e ambientais. Além dos impactos sociais, uma das novas empreitadas da Starlink é colocar uma torre de conexão em uma comunidade paulista, rompendo assim, um dos muitos apagões de conectividade que temos em São Paulo e no Brasil”.

O futuro da internet: rede Starlink deve ganhar mais destaque

Questionado sobre qual dos tipos da internet tem mais potencial nos próximos anos, o professor da FIAP é enfático ao afirmar que a Starlink sairá na frente.

“Com certeza, a rede Starlink tende a ser a modalidade de acesso mais interessante em termos de usuário final. Contudo, a ressalva que faço é que ainda não temos muito claro quais serão os modelos de negócios para distribuição de acesso”, observa Cavalcanti.

“Os valores praticados nos países Beta testers são salgados para a realidade de vários países do mundo, em que essa tecnologia pode trazer grandes mudanças, culturais, sociais e econômicas”, conclui nosso convidado.

Não podemos falar em futuro da internet sem citar o 5G. Que tal saber mais sobre o impacto dessa tecnologia para os consumidores da América Latina? Saiba mais em nosso conteúdo sobre Como funciona o network slicing do 5G!

Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar