Futurecom faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Implementações do 5G na saúde e na Medicina

Implementações do 5G na saúde e na medicina.jpg
O uso do 5G na saúde promete popularizar o uso das novas tecnologias na medicina e dar mais qualidade de vida à população. Saiba mais

Você já imaginou que seria operado por um robô, enquanto o cirurgião assiste o procedimento à distância? E que poderia usar um serviço de inteligência artificial que analisa os seus sinais vitais e ajuda a prevenir doenças ou descobri-las de forma precoce, facilitando o tratamento? 

Essas e outras inovações tendem a se tornar populares, conforme avança o uso do 5G na saúde e na medicina.

A internet 5G, que tem alta velocidade e qualidade, é um verdadeiro marco para o Brasil e o mundo. No campo da medicina, assim como em outras áreas, grandes inovações tendem a surgir. 

Com melhores cuidados médicos, as pessoas terão mais qualidade de vida, menos doenças e até mesmo aumentar a expectativa de vida. Tudo isso é muito bom, concorda?

Para entender mais sobre esse tema, conversamos com Alex Takaoka, diretor de vendas da Fujitsu do Brasil. A empresa japonesa é líder em tecnologia da informação, oferecendo diversas soluções, inclusive para a medicina.

Veja, nos tópicos abaixo, as considerações de Takaoka sobre o uso do 5G na saúde.

Expectativas da medicina para a adesão do 5G no Brasil

Os médicos e demais profissionais da saúde estão ansiosos e com grandes expectativas para as tecnologias que poderão ser implementadas com a adesão do 5G no Brasil.

Takaoka nos apresentou alguns dados que comprovam as expectativas do mercado brasileiro para o 5G, não apenas no campo da medicina, mas em praticamente todas as áreas.

“De acordo com o Ministério da Economia, a tecnologia 5G terá forte impacto na produtividade e poderá atingir R$ 249 bilhões até 2035, enquanto players do mercado especulam que o ‘PIB do 5G’ ultrapassará a casa do R$ 1 trilhão”, comenta o diretor de vendas da Fujitsu do Brasil.

Ele prossegue: “A consultoria IDC, referência na área de Tecnologia da Informação, estima que, no Brasil, serão US$ 2,5 bilhões gastos entre 2019 e 2024, principalmente por operadoras e provedores de rede.”

Aplicações do 5G na saúde e na medicina

Takaoka afirma que temos um amplo espectro de aplicações que podem ser usadas na Medicina e no setor de saúde, em geral. Graças à alta velocidade de transmissão e a baixa latência do 5G, esses recursos poderão ser melhor explorados.

“Assim como wearables (dispositivos vestíveis), implantes, rastreadores e outros aparelhos conectados ao 5G, poderão realizar a captação de dados e a troca de informações em tempo real. Isso fará com que o monitoramento de pacientes seja mais ágil”, conta o especialista.

Ele ainda diz que: “Avançando um pouco, temos a realidade virtual e aumentada e os recursos de nanotecnologia, com cirurgias à distância. Além da utilização de automação passar a ser cada vez mais comum entre as instituições de saúde”.

Benefícios do 5G para médicos e pacientes

O uso do 5G na saúde trará diversos benefícios para os médicos e seus pacientes. Entre eles, Takaoka destaca a promoção da telemedicina avançada.

“Com a tecnologia, será possível fornecer serviços de saúde digitais por meio de conexões remotas em espaços distantes dos centros de atendimento, no ambiente domiciliar dos pacientes”, observa.

Ele continua: “Uma vez cadastrados e online, seus dados são enviados a um médico ou profissional de saúde para revisão remota, seja em tempo real ou de forma histórica.”

Takaoka também traz exemplos do uso do 5G nos hospitais: 

“Com arquiteturas de câmeras com sensores infravermelho e com algoritmos de reconhecimento de padrões de movimento, será possível gerenciar de forma proativa os pacientes, permitindo que sejam visualizados seus sinais vitais e também se houveram quedas ou acidentes. Por meio de sensores, prontamente uma equipe pode ser acionada e dar conta da demanda”.

Ao entender de Takaoka, o uso do 5G na saúde trará mudanças revolucionárias. Ele acredita que os avanços serão benéficos tanto na qualidade dos serviços prestados, quanto na diminuição do tempo gasto com procedimentos que poderão ser automatizados.

Gostou deste conteúdo? Então, leia também nosso artigo que aponta 3 benefícios da transformação digital na área da saúde!

Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar