Vídeos

Cabos submarinos. Por que apostar nessa tecnologia para telecomunicações?

Quilométricos e resistentes os cabos submarinos são indispensáveis para o mundo moderno. Mais de 90% das comunicações transoceânicas passam por eles e sua velocidade média das transmissões dos dados é de 4 Tbps (terabits por segundo). Esses cabos saem dos continentes enterrados a até 1.000 metros de profundidade e chegam a profundidade de até 8.000 metros nos oceanos.

Quando comparados aos satélites eles percorrem distâncias mais curtas. Por exemplo, são 72 mil quilômetros quando um sinal sai de Tóquio, Japão, vai ao satélite e volta, até Los Angeles, nos Estados Unidos, enquanto o cabo submarino entre as duas cidades tem 9.000 quilômetros. Além disso, Chuvas fortes ou tufões podem afetar o sinal de comunicação via satélite.

Entretanto, cabos submarinos também costumam ter seus “pontos fracos”: tubarões costumam morder os cabos confundindo-os com algum alimento no fundo do mar, vulcões marinho também já fizeram estragos, assim como âncoras de navios que arrastavam os cabos. Houve ainda, casos de piratas que acreditavam haver cobre nos cabos e se arriscavam mergulhando até o fundo do mar e rompendo esses cabos.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.